TEXTO NARRATIVO

 

 

 

texto narrativo.pptx (2 MB)

Manual "Onde moram as palavras" ASA

 

 

 

Texto Narrativo

O texto narrativo (ou narrativa) é um texto do qual fazem parte acções e descrições onde é contada uma história. Este tipo de texto é geralmente organizado em três partes: introdução, desenvolvimento e conclusão.

Acção

A acção do texto narrativo pode-se localizar tanto no espaço (onde) como no tempo (quando).

Autor

O autor é quem imagina e escreve a narrativa.

Narrador

O narrador é quem conta a história e pode ser participante (se participa na história como personagem), ou não participante (se apenas conta a história sem fazer parte das personagens).

Personagens

As personagens são seres imaginários criados pelo autor e é através deles que decorre a acção. Pode existir um personagem principal ou mais que um numa história, assim como as personagens secundárias.

Retrato

O retrato é realizado pelo autor para dar a conhecer os personagens aos leitores. O retrato dos personagens pode ser realizado através de características físicas ou psicológicas das personagens.

Recursos expressivos

Para dar uma maior expressividade ao texto, os autores utilizam certos processos designados por recursos expressivos. Os mais importantes são:

Onomatopeias – Quando são utilizadas palavras que procuram imitar sons ou ruídos. Ex: ão, ão; bum!.

Adjectivação – Quando se utilizam adjectivos para descrever personagens, paisagens, situações, etc… Ex: A menina bonita de ténis amarelos e pesados, naquele dia quente e alegre…

Aliteração - Quando se repete o mesmo som. Ex: O rato roeu a rolha da garrafa do rei da Rússia.

Repetição – Quando se repete a mesma palavra ou palavras. Ex: Tu és bela, ela é bela, a lua é bela nós somos belos.

Personificação – Quando se atribuem características humanas a objectos ou a animais. Ex: A lua parou e chorou a noite inteira.

Comparação – Quando se compara uma coisa a algo semelhante ou igual. Ex: Alegre como um pardalinho atrás do pão.

 

TEXTO NARRATIVO

- Texto narrativo - Uma narrativa é um texto em que um narrador conta uma história, relatando uma sequência de acontecimentos (a acção) vividos pelas personagens, num determinado tempo e num determinado lugar (espaço).

A narrativa é fechada quando a história é totalmente solucionada e é aberta quando não é revelado o destino final das personagens ou se há consequências directas da acção principal que não são “solucionadas”.

Categorias da narrativa:

- Narrador – quem conta a história. O narrador é participante ou presente:

- O narrador participa na história como personagem, para além de a narrar. Neste caso a história é contada na 1ª pessoa.

- O narrador não participante ou ausente é o narrador que não participa na história como personagem, limitando-se a narrá-la. Neste caso a história é contada na 3ª pessoa.

 

- Personagens – seres que agem, provocando o desenvolvimento da acção:

- Personagem principal – é o protagonista da história. Destaca-se das outras personagens porque é o centro da acção e toda a história se desenvolve à volta dela.

- Personagens secundárias - são menos importantes e contracenam com a personagem principal para que esta se destaque e se torne mais “visível” para quem ouve ou lê a história.

- Figurantes são personagens apenas referidas, não tendo intervenção directa na história.

 

- O Tempo e o espaço - Todas as histórias acontecem numa determinada altura e num determinado espaço:

- Localização da acção no tempo – dizer quando se passa a história;

- Localização da acção no espaço – dizer onde se passa a história.

 

Nota: Quando contamos uma história é porque ela já aconteceu. Por isso, o passado é o tempo da narrativa.

Contudo, por vezes, o narrador prefere contar a história usando o tempo verbal presente.

 

- A acção – é a sucessão dos acontecimentos vividos pelas personagens, isto é, o conjunto de pequenos factos que se vão desenrolando ao longo da história. Para que uma história seja bem compreendida, é necessário que esteja bem construída, o que significa que os acontecimentos devem encadear-se segundo uma ordem lógica:

- Introdução – apresentam-se as personagens, refere-se a situação inicial, geralmente calma e equilibrada. Por vezes, localiza-se a história no tempo e no espaço.

- Desenvolvimento – conjunto dos acontecimentos narrados. Inicia-se com a primeira acção da personagem que vai provocar o “arranque” da história propriamente dita. Sucedem-se, então as peripécias em que a personagem se vê envolvida e que conduzem a uma situação final, em que tudo se resolve.

- Conclusão – é o final da história, onde tudo se estabiliza e se refere o destino das personagens.

 

Categorias da narrativa

Como vão os teus conhecimentos sobre as categorias da narrativa?

 

Resolve este divertido

crucigrama (CARREGA AQUI)

 

Como jogar:

Clica em cima do número para veres a pergunta. Escreve a resposta no rectângulo branco, depois clica em “Responder”.

Se ficares bloqueado, recorre à “Ajuda”. Vai-te aparecer a primeira letra da palavra, mas atenção: perdes pontos!

Depois de preencheres toda a grelha, clica em “Verificar resposta” para conheceres a tua pontuação.

Diverte-te!